10

dez

0

Efeitos do Álcool no processo de Emagrecimento

Categoria: Saúde.
Por Mariana Duro.

alcool e emagrecimento

Durante o processo de emagrecimento um dos órgãos que é bastante exigido é o fígado, pois é nele onde várias substâncias são biotransformadas para serem eliminadas.

Desta forma, reduzir o álcool durante este processo é muito importante, visto que ele é metabolizado principalmente pelo fígado após sua ingestão.

Além disso, as bebidas alcoólicas, em sua grande maioria, são chamadas de “calorias vazias”, pois são transformadas em açúcar no nosso sangue sem apresentar nenhum benefício nutricional para o organismo. Assim, pensando em emagrecimento, reduzir o álcool significa reduzir o consumo calórico.

Vale lembrar que mesmo pessoas que não necessitam de emagrecimento devem ter o consumo do álcool reduzido para não ter órgãos como estômago, fígado e intestino sobrecarregados.

atenção

ATENÇÃO MULHERES!!

Nós apresentamos menores quantidades de enzimas responsáveis pela metabolização do álcool, além de menor quantidade de água corporal quando comparadas aos homens.

Sendo assim, nós somos mais sensíveis ao álcool e podemos apresentar os efeitos colaterais relacionados ao seu consumo de forma mais intensa.

 

Bebam com moderação nessas festas de final de ano ;) 

 

 

Tags: , , , Deixe um comentário 0
10

mai

0

Massas sem glúten

Categoria: Saúde.
Por Mariana Duro.

Atualmente, várias pessoas não consomem alimentos com glúten por alguma intolerância, alergia ou por se sentirem com uma digestão melhor quando retiram o glúten da dieta.

Isso porque o glúten é uma proteína de digestão difícil para alguma pessoas e pode interferir de forma negativa no processo digestivo quando consumido em excesso, gerando estufamento e gases. Além disso, o glúten pode interferir no tratamento de doenças autoimunes (lupus, tireoidite de Hashimoto, vitiligo, dermatites, entre outras …).

Por isso, resolvi listar algumas marcas para que possam conhecer a variedade de massas #glutenfree que temos hoje no mercado.

 

Massa semm glúten 3

 

Macarrão sem glúten 7Massa sem glúten 5

Massa sem gluten 4

Massa Sem Gluten 1

Massa sem glúten 2

macarrão sem glúten 66

Tags: , Deixe um comentário 0
24

abr

0

Leite de Cabra

Categoria: Saúde.
Por Mariana Duro.

 

leite de cabra

 

Embora o leite de cabra apresente um gosto bem característico e mais forte, é rico em diversos minerais como: cálcio, magnésio, manganês, fósforo, vitamina A, vitamina D, entre outros.

Um dos principais fatores que justifica o seu consumo, além desta riqueza de vitaminas e minerais, é a sua melhor digestibilidade, quando comparada ao leite de vaca.

É considerado um leite hipoalergênico por conter menos caseína alfa-1, uma proteína responsável pela alergia ao leite de vaca. Dessa forma, pessoas alérgicas ao leite de vaca podem consumir o leite de cabra como uma alternativa rica em nutrientes.

Além disso, contém 20% de colesterol a menos que o leite de vaca e não possui aglutinina, substância presente no leite de vaca que une as partículas gordurosas formando um coalho difícil de digerir.

A digestão e a absorção do leite de cabra é duas vezes mais rápida em comparação ao leite de vaca, sendo indicado também para crianças desnutridas.

O leite de cabra apresenta uma composição de cálcio um pouco menor que o leite de vaca. Enquanto o leite de vaca apresenta 123mg de cálcio em 100ml, o leite de cabra apresenta 112mg na mesma quantidade (fonte – Tabela TACO).

Vale ressaltar que o leite de cabra possui lactose em sua composição. Alguns iogurtes e queijos elaborados com o leite de cabra podem não conter lactose em suas composições devido à sua eliminação a partir do processo natural de fabricação ou pelo uso da enzima lactase. Desta maneira, pessoas intolerantes à lactose devem ter cuidado com o seu consumo.

É contra indicado para pessoas que apresentam alguma alergia à ele ou às crianças menores de 6 meses que não foram orientadas a substituir o aleitamento materno exclusivo pelo nutricionista ou pediatra.

Tags: , , Deixe um comentário 0
17

abr

0

Dia de fazer Detox!

Categoria: Dicas, Saúde.
Por Mariana Duro.

água detox

Já dei diversas dicas por aqui após épocas do ano mais críticas: Natal, Ano Novo, Carnaval … agora chegou a hora de fazer um Detox após a Páscoa!

Aproveite essa semana para incluir alimentos potencialize a eliminação de impurezas! Alimentos como: couve, brócolis, couve-flor, repolho, broto de alfafa, alcachofra, hortelã, salsinha … são uns deles!

Mas não se esqueça que o principal elemento detox que temos é a ÁGUA! Hidrata-se bastante, pois além do fígado, a nossa pele, pulmões e intestino também promovem uma varredura de toxinas.

Que tal aproveitar essa semana para incluir águas aromatizadas? Você pode aromatizá-las com: capim cidreira, hortelã, lima, limão, gengibre, cardamomo, pimenta rosa …. além de deliciosas, farão um bem danado para a sua saúde.

Boa semana e um beijo!

 

Tags: , , Deixe um comentário 0
25

mar

0

O que são Oxalatos?

Categoria: Saúde.
Por Mariana Duro.

No último post falei sobre o oxalato presente na folha da beterraba. Por isso, resolvi falar um pouco mais sobre eles no post de hoje!

Alguns alimentos ricos em oxalatos de origem vegetal são o espinafre, a beterraba (incluindo suas folhas), as nozes, o quiabo, o cacau e o chocolate , por exemplo.

Fontes de OxalatosOxalato

Os oxalatos são substâncias  que facilitam a formação de pedra nos rins. Por isso, evitar os alimentos ricos em oxalatos é importante para prevenir o aparecimento de pedra nos rins, principalmente quem tem pré-disposição para formação ou tem fator genético envolvido.

Abaixo estão alguns alimentos com a quantidade de oxalato em 100g:

. Espinafre – 750mg

. Chocolate – 117mg

. Beterrraba – 675mg

. Quiabo – 146mg

. Nozes – 202mg

. Pimenta – 419mg (acho muito difícil alguém conseguir comer 100g de pimenta em um único dia …rs)

O ácido oxalático ou oxalato, além de facilitar a formação de pedra nos rins, também prejudica a absorção de muitos nutrientes pelo organismo. Por isso, os alimentos citados acima não devem ser ingeridos em grande quantidade.

Para diminuir a quantidade de oxalato sem banir o consumo desses alimentos basta escaldá-los com água fervendo e dispensar a primeira água de cozimento, o que é muito importante fazer principalmente com o espinafre, pois é muito rico em oxalatos. Daí a explicação para muito pacientes quando me perguntam o porquê de eu não indicar espinafre cru nos sucos!

 

Tags: , , Deixe um comentário 0
11

mar

0

Alimentação do Bebê antes dos 6 meses

Categoria: Dicas, Saúde.
Por Mariana Duro.

Alimentação Infantil

Você sabe por que não podemos dar nenhum alimento além do leite materno antes do 6 meses de vida do bebê?

São inúmeras razões, mas hoje explicar apenas alguns motivos:

– O sistema imunológico do bebê ainda não está maduro o suficiente para receber outros tipos de alimento, pois sua microbiota (bactérias que habitam intestino) está em formação;

– Ele ainda não produz quantidade suficiente de enzimas que atuam na digestão e nem de suco gástrico, que ajuda na digestão. Além disso, os rins ainda não estão maduros para filtrar as impurezas de alimentos;

– Se a exposição da criança é precoce, as chances de alergias alimentares e doenças crônicas na vida adulta aumentam consideravelmente;

– A partir do 6° mês o bebê  apresenta maturidade fisiológica e neurológica, começando a sustentar o pescoço , facilitando a alimentação oferecida e não apresenta mais o reflexo de protusão da língua, o que favorece a ingestão de alimentos semi-sólidos;

Tenha calma na introdução dos alimentos para os bebês e procure sempre orientação de um Nutricionista de sua confiança!

 

Tags: , , Deixe um comentário 0
7

mar

0

Hipertensão

Categoria: Saúde.
Por Mariana Duro.

hipertensão

A revista Lancet divulgou um estudo em conjunto com a Organização Mundial de Saúde relatando que o número de pessoas com pressão alta dobrou nos últimos 40 anos.

Atualmente 1 bilhão de pessoas no mundo sofrem de hipertensão.

Foram analisados estudos populacionais nacionais, subnacionais ou comunitários que mediram a pressão arterial em adultos com idade igual ou superior a 18 anos de 1975 até 2015.

A prevalência global de pressão arterial elevada por idade foi de 24,1% em homens e 20,1% em mulheres no ano de 2015. A incidência de hipertensão arterial diminuiu nos países de rendimento elevado e em alguns países de rendimento médio. O número de adultos com aumento da pressão arterial subiu de 594 milhões em 1975 para 13,3 bilhões em 2015, com o aumento principalmente em países de baixa renda e de renda média. O aumento global do número de adultos com pressão arterial elevada pode ser recorrente ao envelhecimento, sedentarismo e ao aumento do consumo de alimentos ultraprocessados.

Outro estudo que fala sobre as mudanças de vida que devem ser feitas pelo indivíduo hipertenso diz que uma redução na ingestão de sal pela população mundial resultaria em uma grande melhora na saúde pública. As intervenções indicadas para pacientes obesos, que incluem uma  dieta rica em frutas, hortaliças e alimentos frescos, com alto teor de potássio e fitoquímicos, podem ser também eficazes na redução da pressão arterial. Esse mesmo estudo diz que a suplementação de cálcio reduz a pressão arterial em indivíduos hipertensos e reforça a importância do magnésio, que deve ser considerado por qualquer pessoa que procure prevenir ou tratar a pressão arterial elevada. Por isso a importância da nutrição funcional, que estuda o paciente como um todo visando evitar a ocorrência de patologias como a hipertensão, ou uma melhora no quadro.

Uma pressão arterial saudável requer a prática de exercícios frequentes, redução do estresse e uma dieta saudável.

Texto extraído do site da VP Consultoria Nutricional.

Tags: , , Deixe um comentário 0
25

fev

0

Bebidas alcoólicas e suas calorias!

Categoria: Saúde.
Por Mariana Duro.

Estamos no meio do carnaval e muita gente ainda tem dúvida se bebida alcoólica engorda ou não.

Que tal num sábado de carnaval darmos uma olhada no valor calórico de algumas das “biritas” mais famosas e queridas:

bebida alcoólica

- Cerveja (355mls) – 150 calorias;

- Uísque (50mls) – 120 calorias;

- Caipirinha (100mls) – 250 calorias;

- Ice (275mls)- 240 calorias;

- Mojito (200mls) – 250 calorias;

- Vodka (50mls) – 120 calorias;

- Cachaça (50mls) – 115 calorias;

- Tequila (50mls) – 110 calorias.

Fique atento, beba com moderação e cuidado, elas podem acabar com a sua reeducação alimentar!

Tags: , Deixe um comentário 0
23

fev

0

Álcool X Emagrecimento

Categoria: Dicas, Saúde.
Por Mariana Duro.

 

 ALCOOL

 

Há quem diga que o que engorda mesmo são os petiscos que ingerimos com a bebida alcoólica. Será?

Grande parte do álcool é jogado na corrente sanguínea até ser gradualmente processado pelo fígado.

O organismo entende o álcool como tóxico e por este motivo o desempenho nas atividades físicas e o metabolismo podem ser afetados negativamente.

Além disso, o etanol contido nas bebidas é uma caloria vazia, contribuindo para o aumento de peso.

Fique atento, o álcool influencia negativamente no processo de emagrecimento!

 Não exagere nesse CARNAVAL.

BEBA COM MODERAÇÃO!

Tags: , , Deixe um comentário 0
13

fev

2

A interferência do sono no ganho de Massa Muscular

Categoria: Saúde.
Por Mariana Duro.

Além de uma alimentação adequada, treino regular, exames bioquímicos dentro da normalidade e uma boa hidratação, um dos principais pilares para o ganho de massa é o sono adequado. E não estou falando de muitas horas de sono, mas um sono profundo e de qualidade, que proporcione o descanso ideal para o seu dia.

Sono e músculo
À noite (quando a luminosidade é meno) a glândula pineal começa o processo de conversão da serotonina (produzida ao longo do dia) em melatonina (hormônio que induz o início do sono). Assim, o GH (hormônio do crescimento e principal responsável pelo reparo físico) é liberado na corrente sanguínea por outra glândula chamada hipófise.

Seu nível é maior enquanto dormimos e ele induz o corpo a agrupar os aminoácidos consumidos para formar proteínas que compõem os músculos, promovendo a “criação” de tecidos e eliminando mais toxinas.

Além disso, poucas horas de sono alteram os níveis de cortisol, que é um hormônio catabólico, ou seja, acelera a perda de massa muscular.

Está com dificuldade de dormir?

– Experimente consumir chás relaxantes antes de deitar como mulungu, camomila, melissa ou maracujá;

– Evite estimulantes do organismo como café e pré- treinos em geral após 17h.

– Lembre-se de que o melhor pré- reino é uma refeição adequada, que gere energia para a sua demanda de atividade física;

– Evite o consumo excessivo de álcool no período noturno;

– Evite cochilos durante o dia;

– Evite refeições muito volumosas antes de dormir.

Tags: , , , Comentários 2